Buscar
  • Daniel Monteiro

Como trazer a diversidade para minha empresa?

5 passos para trazer diversidade para minha empresa


Acompanhando as discussões presentes na sociedade, as empresas também vêm se preocupando em trazer a diversidade para dentro de seus espaços. A prática vai além de uma mera inclusão de cotas previstas na legislação, e busca, de fato, criar um ambiente de trabalho que reconheça as diferenças como um fator positivo para uma organização.


Ao reunir pessoas de raças, gêneros, classes sociais e religiões diferentes, são colocadas em contato histórias, experiências e bagagens culturais diversas. É uma aposta em equipes heterogêneas, priorizando não um grupo ou outro, mas, sim, o conjunto das habilidades pessoais diversas.


Por parte da empresa, é importante proporcionar um ambiente respeitoso a essas diferenças, e estar aberta a receber outros perfis de funcionários. Essa mudança de visão precisa partir dos cargos mais altos, passando por gestores e tendo na equipe de RH um pólo de disseminação de boas práticas e inclusão.


Vantagens para todos


Desde grandes organizações, até pequenas empresas, mais enxutas, vêm apostando na diversidade como posicionamento e como estratégia. Além de contribuir com um mercado mais justo e inclusivo, empregadores também observam ganhos com a prática.


É apontada uma melhora geral no clima organizacional e na motivação dos funcionários, bem como uma diminuição nos conflitos e um aumento da produtividade geral. Equipes diversas conseguem apresentar ideias e soluções consideravelmente mais variadas, proporcionando soluções mais eficientes, maior amplitude de perspectivas e melhor experiência de todos stakeholders. Esses grupos heterogêneos também são mais bem sucedidos em considerar panoramas próximos à realidade, solucionando problemas e conduzindo tarefas de forma mais eficaz.


Outro ponto a ser considerado é a melhora da marca empregadora da empresa. É possível notar avanços na atração e retenção de talentos, no engajamento dos funcionários e da percepção da empresa junto a clientes, fornecedores e a seu setor de atuação em geral.


Como implementar


Levar a diversidade para uma empresa é uma estratégia bastante benéfica, mas requer a revisão de alguns processos e mudanças de mentalidade. É preciso refletir sobre os valores da organização e, eventualmente, ajustá-los, para que estejam em uníssono com a aplicação da diversidade no corpo funcional.


Veja 5 passos para desenvolver esse trabalho:


1. Avaliar


É fundamental realizar uma avaliação da empresa. Faça um diagnóstico honesto e preciso, procurando entender como o corpo funcional é composto e o que levou a empresa a optar por essa distribuição.


2. Envolver


Envolva todos nessa empreitada, promovendo ações de sensibilização e discussões sobre o tema através da comunicação interna da empresa. Procure abrir diálogos, para garantir que as novas pessoas se sintam confortáveis e incluídas, que tenham uma experiência positiva e que seja estabelecido um ambiente para inovação dentro das equipes.


O departamento de RH ficará encarregado de promover políticas inclusivas, que trabalhem as potencialidades de cada um e valorizem os funcionários sem distinção entre si em função de características pessoais.


3. Selecionar


O processo de seleção deve ser feito de forma isenta, com foco em excluir do processo decisório pré-julgamentos baseados em características como gênero, raça, interesses e outras bagagens do candidato que não interfiram em sua capacidade de lidar com os problemas levados a ele.


Busque públicos distintos em seus processos, procurando talentos em locais diferentes do que os de costume. Considere candidatos com um perfil um pouco mais livre que o normal. Pode ser interessante ignorar o sexo ao avaliar os candidatos, ou mesmo transmitir à empresa que realiza os recrutamentos essa preocupação com a construção de uma equipe de trabalho diversa.


4. Liderar


As lideranças não podem ficar de fora desse processo. Toda grande mudança deve ser compreendida e abraçada pelos gestores da empresa. Por isso, é fundamental que eles estejam abertos a essa mudança e que saibam administrar equipe heterogêneas, buscando administrar habilidades individuais para que elas contribuam para o desenvolvimento da empresa como um todo.


5. Avaliar


Avalie o desempenho das novas práticas. Parte fundamental desse processo é avaliar o desempenho após mudanças importantes no mindset da empresa, auxiliando também a sua aplicação. Mensurar o que foi desenvolvido, a partir de indicadores objetivos, permite otimizar as ações implementadas, mantendo-se na rota para mudanças positivas ou recalculando trechos do caminho que não deram tão certo.


Buscar o auxílio da yellow.rec nos processos seletivos pode ser uma forma de atrair pessoas diversas à empresa. O recrutamento será executado de forma mais técnica e com uma visão ampla do mercado, facilitando assim não somente a atração dessas pessoas, mas também a sua inclusão pelas dicas de onboarding e análises de perfil.

0 visualização
  • Branca Ícone LinkedIn
  • White Instagram Icon
  • White Facebook Icon
  • White YouTube Icon

ENCONTRE-NOS

WeWork - Savassi Mall

Rua Sergipe, 1440

Belo Horizonte – MG